Serra S. Mamede | Parque Natural | Visitar PNSSM

O PARQUE NATURAL DA SERRA DE SÃO MAMEDE (PNSSM), situa-se na região fronteiriça do nordeste alentejano, distrito de Portalegre, abrangendo os concelhos de Arronches, Castelo de Vide, Marvão e Portalegre.
Com uma uma superfície superior a 56.000 hectares, deve o seu nome à mais importante formação montanhosa a sul do Tejo, a Serra de São Mamede, cujo cume se eleva a 1.025 metros de altitude.

Aguia_Bonelli_PNSSM

A águia-de-bonelli, uma das aves de rapina mais raras em Portugal, é símbolo do PARQUE NATURAL DA SERRA DE SÃO MAMEDE, contribuindo também para a sua rica diversidade em espécies animais e vegetais: carvalho-negral, castanheiro, sobreiro, pinheiro-bravo, esteva, tojo; abutres, veados, javalis, ginetas, lontras, e uma das maiores colónias de morcegos da Europa, entre muitas outras.

OUTROS PARQUES:
>> ALQUEVA | O Grande Lago
>> VALE DO GUADIANA | Parque Natural
>> NOUDAR | Parque de Natureza | Barrancos
>> SW Alentejano e Costa Vicentina | PNSACV
>> SERRA DO CALDEIRÃO | Entre Alentejo e Algarve

PNSSM: Roteiro

PNSSM: Como Chegar

♦  A partir do norte – pela EN246 e EN246-1, até Castelo de Vide
♦  A partir de Portalegre – pela EN359, direção Marvão
♦  A partir de Arronches – entrada na parte sul do parque, por Esperança e Mosteiros/Alegrete.


PNSSM: Que Ver

1. SERRA DE SÃO MAMEDE

Flores_Alentejo
Arronches_PNSSM

A SERRA DE SÃO MAMEDE, que dá nome ao Parque Natural onde se insere, integra a cordilheira dos Montes de Toledo, uma formação montanhosa da Península Ibérica que separa as bacias dos rios Tejo e Guadiana.
Os monumentos megalíticos e as pinturas rupestres que podem encontrar-se nas serras de Cavaleiros, Louções, Cabaça, parecem testemunhar a presença de comunidades pré-históricas na SERRA DE SÃO MAMEDE, há cerca de cinco mil anos.

Do pico da Serra, a 1025 metros de altitude, avistam-se a vila de Marvão, a Barragem da Apartadura, a Serra da Estrela e parte da Estremadura espanhola.

2. ARRONCHES

Panoramica_Arronches

Arronches é uma vila alentejana cujo território é composto pelas freguesias de Assunção, Esperança e Mosteiros, parte do qual integra o PARQUE NATURAL DA SERRA DE SÃO MAMEDE.
Do seu património destacam-se os núcleos de pintura rupestre: Lapas dos Gaivões e dos Louções, Abrigo Pinho Monteiro; e o que resta das fortificações da vila.

3. CASTELO DE VIDE

Castelo_Vide

O rei Pedro V terá atribuído a Castelo de Vide a designação de “Sintra do Alentejo”, tal a impressão que lhe terão causado a proximidade da SERRA DE SÃO MAMEDE, o verde da vegetação profusa e o romantismo da vila e dos seus jardins.
Além disso, Castelo de Vide conserva um vasto património histórico edificado: o Castelo, a Fonte da Vila, o burgo e arrabaldes medievais, a Judiaria, a Sinagoga.
Entre os filhos diletos da vila contam-se: Salgueiro Maia, Mouzinho da Silveira e o médico judeu Garcia de Orta.

4. MARVÃO

Marvao_castelo
Marvao_medieval

Vizinha da estrada romana que ligava Cáceres a Santarém, atravessando o rio Sever sobre a conhecida Ponte da Portagem, Marvão, bem no miolo do PARQUE NATURAL DA SERRA DE SÃO MAMEDE, haveria de erguer-se estrategicamente sobre um promontório rochoso de onde se avista toda a planície em redor até à raia, a cerca de 13 km.
E se o castelo bem conservado surge a quilómetros de vista como uma fortaleza magnífica e quase inexpugnável, a vila intramuros é uma pequena maravilha que vale a pena desfrutar com tempo.

5. CIDADE ROMANA DE AMMAIA

Ammaia_Marvao

A Cidade de Ammaia, classificada como Monumento Nacional, é um importante vestígio de uma cidade romana de meados do séc. I, d.C., localizada em pleno PARQUE NATURAL DA SERRA DE SÃO MAMEDE, na freguesia de São Salvador de Aramenha (junto à EN359), no concelho de Marvão.

Do conjunto de ruínas de Ammaia, numa área de cerca de 25 ha, foi possível identificar, entre outras estruturas: as Termas, o Fórum e o Templo.

6. BARRAGEM DA APARTADURA

Apartadura_barragem
Barragem_Portalegre

No coração do PARQUE NATURAL DA SERRA DE SÃO MAMEDE, a Barragem da Apartadura, na Ribeira de Reveladas, no concelho de Marvão, é uma estrutura de armazenamento hídrico de enrocamento com cortina a montante.
A sua albufeira confere grande beleza à paisagem, configurando-se como um verdadeiro lago de montanha.

7. CONVENTO DE N. S. DA ESTRELA

N_S_Estrela_Marvao

Situado na freguesia de Santa Maria de Marvão, o Convento de Nossa Senhora da Estrela foi fundado em meados do séc. XV.
Uma lenda local refere que, quando em 711 os mouros invadiram a Península Ibérica, Rodrigo, o último rei dos Visigodos, terá escondido a imagem da Senhora da Estrela, que haveria de ser descoberta séculos mais tarde, durante a Reconquista, quando Marvão foi recuperada pelos cristãos.

8. PORTALEGRE

Igreja_Portalegre
Castelo_Alegrete
PNSSM. Portalegre. Torre do castelo de Alegrete

No interior alentejano, fazendo fronteira com Espanha, Portalegre é a cidade capital de distrito com menor população, em Portugal. É neste distrito que se situa o PARQUE NATURAL DA SERRA DE SÃO MAMEDE.

Entre inúmeros pontos de interesse turístico, a cidade possui um valioso património, histórico, arquitetónico, cultural, que inclui, além dos castelos de Portalegre e de Alegrete, as Portas das muralhas, os Fontenários, monumentos religiosos como a Sé Catedral e o Seminário de Portalegre, ou os Conventos de São Bernardo e Santa Clara, o Museu Municipal, o Museu da Cortiça, ou a Casa Museu José Régio, além das tradições e do folclore, do artesanato, da doçaria conventual e das Tapeçarias murais decorativas, famosas pelo uso de uma técnica única no mundo, completamente artesanal, baseada no chamado ponto de Portalegre.


PNSSM: Que Fazer

1. PERCURSOS PEDESTRES

São inúmeros os percursos pedestres classificados, homologados e devidamente sinalizados, na zona de influência do PARQUE NATURAL DA SERRA DE SÃO MAMEDE e nos concelhos que cobre, como é o caso dos trilhos abaixo (um por concelho):

Portalegre_florida
Arronches_Esperanca

PR1 ARR – Percurso Pedestre da Esperança

Tipo de percurso: Circular
Início e Fim: Igreja da Esperança
Distância: 15,2 km
Duração: +/- 5h30
Dificuldade: Média/Alta

Um percurso que começa na freguesia da Esperança, prosseguindo para Hortas de Cima até aos penhascos da SERRA DE SÃO MAMEDE, por entre enormes sobreiros, ao longo da Ribeira de Abrilongo que marca a fronteira com Espanha, prosseguindo depois para Hortas de Baixo, com passagem pelas pinturas rupestres da Lapa dos Gaivões.

Arronches_Lapa_Gaivoes
PNSSM. Sítio rupestre da Lapa dos Gaivões, Arronches. Pintura antropomórfica.
Alentejo_em_flor

PR8 CVD – Paisagens Fantásticas de Póvoa e Meadas

Tipo de percurso: Circular
Início e Fim: Jardim de Póvoa e Meadas (extremo norte)
Distância: 13,2 km
Duração: +/- 3h30
Dificuldade: Média

Por entre paisagens deslumbrantes, caminhos rurais de pé posto, bosques de carvalhos e afloramentos graníticos, ao longo da Ribeira de Póvoa e Meadas e da Ponte da Senhora da Graça, com o ponto alto do percurso no atravessamento da Ponte Velha de Póvoa e Meadas, antes do regresso à vila.

Barragem_Alentejo

PR6 MRV – Fabulosa Barragem da Apartadura

Tipo de percurso: Circular
Início e Fim: Barragem da Apartadura (margem direita)
Distância: 8,5 km
Duração: +/- 2h30
Dificuldade: Média

Saindo em direção à Rasa, até à EM1307, e descendo para Reveladas, até à EM1040; no cimo, disfrutam-se vistas fantásticas sobre a albufeira da barragem e a vila de Marvão. Sensivelmente a meio caminho, encontra-se a Quinta do Barrieiro e o Parque de Esculturas de Maria Leal da Costa. No regresso, passa-se ao lado do Monte Roxo, antes de atravessar o paredão da barragem.

Campo_flores_Alentejo
Arronches_Mosteiros

PR3 PTG – Percurso Pedestre de Alegrete

Tipo de percurso: Circular
Início e Fim: Fonte Nova de Alegrete
Distância: 10,7 km
Duração: +/- 4h00
Dificuldade: Média

Um percurso que se desenvolve numa paisagem rural, passando por montes, eiras e muros apiários, pela Ribeira de Arronches, com regresso à Fonte Nova, que é apenas um dos pontos de interesse da vila medieval de Alegrete.

Alentejo_Por_Sol

2. MONFORTE

Monforte_Alentejo

Monforte, é uma vila calma a menos de 20 km da região sul do PARQUE NATURAL DA SERRA DE SÃO MAMEDE, que percorremos aqui em
==> Monforte | Que Ver e Fazer | Visitar Monforte .

OUTRAS SUGESTÕES:
>> Alandroal | Que Ver e Fazer | Visitar Alandroal
>> Terena | Que Ver e Fazer | Visitar Terena
>> Monsaraz | Que Ver e Fazer | Visitar Monsaraz
>> Moura | Que Ver e Fazer | Visitar Moura
>> Mourão | Que Ver e Fazer | Visitar Mourão

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

Powered by WordPress.com.

EM CIMA ↑

%d bloggers like this: