Serra do Caldeirão | Entre Alentejo e Algarve

A SERRA DO CALDEIRÃO é a maior cordilheira a sul de Portugal continental, no limite entre o Alentejo e o Algarve, estendendo-se desde a Ribeira de Odelouca até aos planaltos agrestes do nordeste algarvio, nas proximidades do Vale do Guadiana.

Constitui uma barreira natural de condensação para os ventos húmidos do quadrante sul e um barreira física às depressões de noroeste e aos ventos frios que sopram do norte, o que influencia o clima mediterrânico do litoral algarvio, com temperaturas suaves e fracas precipitações anuais.

Serra_Caldeirao_vista
Panoramica_Serra_Caldeirao
SERRA DO CALDEIRÃO. Vista sobre o Barrocal e o litoral algarvio até ao oceano Atlântico

A paisagem da SERRA DO CALDEIRÃO apresenta relevo acidentado formado sobretudo por rochas de xisto onde predominam as estevas, cursos de água temporários, montados de sobro, onde se produz uma das melhores cortiças do mundo, bosques de oliveiras, medronho, amendoeiras, alfarrobeiras, e espécies como a águia-de-bonelli, o veado, o javali, o coelho e a lebre.

A aguardente de medronho, o vinho, o mel, os figos, a amêndoa, a alfarroba, os enchidos, o presunto, são alguns dos produtos regionais, base da confeção da famosa doçaria local ou de práticos típicos como galo caseiro guisado com batatas, papas de milho com linguiça ou água-mel, tomates fritos com ovos, fatias de ovo com mel.

OUTRAS SUGESTÕES DE NATUREZA :
>> VALE DO GUADIANA | Parque Natural
>> DOURO INTERNACIONAL | Parque Natural
>> MONTESINHO | Parque Natural
>> ESTRELA GEOPARK | Serra da Estrela
>> AROUCA GEOPARK | Visitar Arouca
>> FLORESTA LAURISSILVA | MADEIRA
>> Ilhas | AÇORES

SERRA DO CALDEIRÃO: Roteiro

SERRA DO CALDEIRÃO: Como Chegar

♦  A EN2, no troço entre Almodôvar e Faro, atravessa o coração da SERRA DO CALDEIRÃO que pode ser acedida a partir de Almodôvar, Loulé ou S. Brás de Alportel, em direção a Barranco do Velho.
♦  Pela EN397, de Tavira a Cachopo, em direção a Martim Longo.


SERRA DO CALDEIRÃO: Que Ver

1. PASTORÍCIA

Pastor_Serra_Caldeirão
Rebanho_Serra_Caldeirao
Fauna_Serra_Caldeirao

A pastorícia não é hoje uma das principais atividades económicas da região, mas ainda vai sendo possível encontrar aqui ou além, nas proximidades de uma aldeia algures na SERRA DO CALDEIRÃO, um ou outro pastor que resiste na sua ocupação de um vida.

2. MONTADO DE SOBRO

Montado_Serra_Caldeirao

Os montados e bosques de sobro formam ecossistemas únicos pelo equilíbrio entre o Homem e a Natureza e pela grande diversidade de espécies: répteis, anfíbios, mamíferos, uma enorme variedade de aves, sendo habitat preferencial do lince ibérico.

É nos montados da SERRA DO CALDEIRÃO que se extrai uma das melhores cortiças do mundo, com que se fabricam, por exemplo, as rolhas para engarrafamento do Vinho do Porto.

3. BOSQUE DE AMENDOEIRA e OLIVEIRA

Bosque_Serra_Caldeirao

Os bosques de amendoeira e oliveira são também muito característicos da paisagem da SERRA DO CALDEIRÃO, ocupando grandes extensões do seu território.
A amêndoa constitui o elemento primordial da afamada doçaria da região algarvia.

4. MEDRONHO

Medonhos
Alambique
SERRA DO CALDEIRÃO. Alambique para destilação da aguardente de medronho

Os medronheiros que encontramos disseminados pela SERRA DO CALDEIRÃO, produzem flores e frutos de grande beleza.
O medronho é um fruto muito valorizado, utilizado na doçaria e na produção da apreciada aguardente de medronho, cujo preço se tem ressentido da diminuição da oferta.

5. ALFARROBEIRA

A alfarrobeira é também uma espécie muito disseminada pela SERRA DO CALDEIRÃO.
A alfarroba, em tempos muito usada na alimentação do gado cavalar, é também utilizada para a confeção de doces e licores.

6. MONTE ABAIXO

Monte_Abaixo_Alentejo

Monte Abaixo é uma aldeia serrana típica, pertencente ao concelho de Almodôvar, próximo da fronteira entre o Alentejo e o Algarve.

Casa_Serra_Caldeirao
janela_casa_alentejo
Interior_casa_alentejo

A arquitetura característica do casario das aldeias que povoam a SERRA DO CALDEIRÃO, reúne curiosos elementos de construção e decoração típicos desta região e das influências das regiões de fronteira: o Alentejo e o Algarve.
Monte Abaixo, pertencente ao concelho de Almodôvar, Alte e Salir, no concelho de Loulé, são exemplos de aldeias típicas serranas onde ainda se podem observar muitos destes elementos e tradições.

7. ALTE

Alte_casa
Alte-Esparto
SERRA DO CALDEIRÃO. Alte, Rua dos Pisadoiros. Mulher pisando esparto

O Pólo Museológico do Esparto/Casa Memória d’Alte, mostra os utensílos e técnicas usados pelas mulheres e homens da aldeia de Alte para transformar o esparto, planta fibrosa autóctone com que fabricavam cordas e artigos de cestaria.

Alte_Fonte
Fonte_Alte
SERRA DO CALDEIRÃO. Alte. Fonte Grande e Fonte Pequena
Cascata_Alte
SERRA DO CALDEIRÃO. Cascata de Alte ou Cascata do Vigário

8. SALIR

Serra_Caldeirao_Alte
Polo_museologico_Salir
Museu_Salir

Sobre dois montes, no caminho de Alte para Loulé, situa-se a aldeia de Salir que praticamente conserva o seu estado original.
O Pólo Museológico de Salir, do Museu Municipal de Loulé, mostra não apenas as ruínas mas também como se organizavam e viviam os habitantes de Salir islâmica dos séc.s XII e XIII.

9. LENDA DA MOURA DE SALIR

Conta-se que perante o avanço determinado das tropas do rei Afonso III, não restou ao alcaide mouro do castelo de Salir senão fugir, não sem antes ter enterrado o seu tesouro com o propósito de mais tarde o resgatar. Quando os soldados cristãos entraram no castelo, nele encontraram somente a jovem e bela filha do alcaide que rezava fervorosamente, tendo então confessado ao cavaleiro Gonçalo Peres que tinha preferido ficar no castelo ao invés de salir (sair). Num monte próximo, avistando a filha cativa, o alcaide usou uma fórmula mágica que a transformou numa estátua. A notícia da moura ora encantada rapidamente se espalhou e, certo dia, a estátua desapareceu.

Para perpetuar a vitória cristã e o encantamento e coragem da jovem moura, ficou a povoação conhecida por Salir. E, ao que consta, de quando em vez, durante a noite, a moura encantada continua a visitar o castelo!

10. ROCHA DA PENA

Trilho_Rocha_Pena
Aves_Serra_Caldeirao

A Rocha da Pena é um afloramento rochoso num planalto com cerca de 2 km e uma altitude máxima de 479 metros, sendo habitat de aves de rapina e muitas espécies arbustivas endémicas.
Proporciona uma excelente panorâmica da SERRA DO CALDEIRÃO sendo também um excelente observatório das inúmeras espécies de aves.

O Trilho da Rocha da Pena é um percurso de cerca de 5 km entre Salir e Benafim, no concelho de Loulé.


SERRA DO CALDEIRÃO: Que Fazer

1. LOULÉ

2. ALMODÔVAR

Sapateiro_Almodovar
ALMODÔVAR. O Sapateiro

Loulé, no Algarve, e Almodôvar, no Alentejo, são sedes de concelho com muitos pontos de interesse para explorar.
Loulé em plena SERRA DO CALDEIRÃO, Almodôvar nas suas proximidades, são credoras de uma visita, em sobejando tempo e disponibilidade para tanto.

OUTRAS SUGESTÕES:
>> Caminho dos Promontórios: Lagoa | Algarve
>> Sete Vales Suspensos: Lagoa | Algarve
>> SW Alentejano e Costa Vicentina | PNSACV
>> Ecovia do Vez | Socalcos e Passadiços | Sistelo
>> Passadiços do Paiva | Arouca Geopark

18 thoughts on “Serra do Caldeirão | Entre Alentejo e Algarve

Add yours

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

Powered by WordPress.com.

EM CIMA ↑

%d bloggers like this: