Viagem a Portugal | José Saramago | Portugal

VIAGEM A PORTUGAL, é uma obra, um conjunto de crónicas de viagem, retratos de regiões, pessoas, paisagens, culturas, do território continental português, da autoria de José Saramago.

Não é um roteiro ou um livro de viagens, também não é um romance, mas o olhar peculiar de um português, escritor, que constrói uma narrativa de viagem pelo país natal com a curiosidade do forasteiro ansioso por redescobrir as raízes e reencontrar a família.

Saramago_Viagem_Portugal

VIAGEM A PORTUGAL: Roteiro

1. DE NORDESTE A NOROESTE

O viajante, José Saramago, “pára o automóvel, tem o motor em Portugal, mas não o depósito de gasolina, que ainda está em Espanha”, e, no começo da viagem nas escarpas rochosas de Miranda do Douro ensaia um sermão aos peixes que estão na margem direita, no rio Douro, e aos que estão na margem esquerda, no rio Duero!

Prossegue viagem em direção a Bragança, um salto a Rio de Onor para descobrir a invisível linha de fronteira da aldeia comunitária que está dos dois lados da Ibéria e provar o bagaço à saída do alambique, e no regresso a Bragança, o demorado encontro com a cidade e a história do soldado José Jorge.

Nesta primeira etapa, de Trás-os-Montes e Alto Douro ao Minho e Douro Litoral, a viagem terminará no Porto, a cidade “Junta com o rio que chamam Doiro”, passando por Vinhais, Chaves, Pero de Lagarelhos, Carrazedo de Montenegro, Murça, Vila Real, Amarante, Guimarães, Vila do Conde, Póvoa de Varzim, Viana do Castelo, Paredes de Coura, Caminha, Castro Laboreiro, Ponte da Barca, Monção, Arcos de Valdevez, Lindoso, Braga, São Frutuoso de Montélios, Barcelos, Terras do Bouro, Gerês, Póvoa de Lanhoso, Citânia de Briteiros.

Em todas as localidades, o viajante inscreve mesmo que ao correr da pena a sensibilidade do olhar com que olha, vendo, e, em vendo, repara.
Assim será até ao fim da viagem.

2. TERRAS BAIXAS

“Terras Baixas, vizinhas do mar”, é o nome que Saramago atribuiu ao capítulo seguinte de VIAGEM A PORTUGAL.

Nesta etapa, o viajante-escritor percorrerá Vila Nova de Gaia, Espinho, Vila da Feira, Ovar, Aveiro, Vagos, Trofa, Mira, Figueira da Foz, Buarcos, Serra da Boa Viagem, Montemor-o Velho, Conímbriga, Tentúgal, Coimbra, Penacova, Lousã, Góia, Lorvão, Buçaco, Arouca.

3. BRANDAS BEIRAS DE PEDRA

Esta etapa, a que corresponde o 3º capítulo de VIAGEM A PORTUGAL, levará o viajante pela região das Beiras, Alta e Baixa, e por lugares como Lamego, Tabuaço, Moimenta da Beira, Tarouca, Trancoso, Viseu, Mangualde, Celorico da Beira, Pinhel, Figueira de Castelo Rodrigo, Almeida, Guarda, Cidadelhe, Belmonte, Sabugal, Marialva, Fundão, Penamacor, Idanha-a-Nova, Castelo Branco.

4. ENTRE MONDEGO E SADO

No 4º capítulo de VIAGEM A PORTUGAL: “Entre Mondego e Sado, parar em todo o lado”, o autor percorre as regiões da Estremadura e Ribatejo, nelas se incluindo, Sertã, Oleiros, Sardoal, Abrantes, Almourol, Constância, Tomar, Vila Nova de Ourém, Fátima, Porto de Mós, Leiria, Marinha Grande, Nazaré, Batalha, Alcobaça, Porto de Mós, Golegã, Azinhaga – aldeia de nascimento de José Saramago -, Santarém, Salvaterra de Magos, Torres Vedras, e, mais para o litoral, Caldas da Rainha, Peniche, Lourinhã, Mafra, Sintra, Cascais, Lisboa, Palmela, Setúbal, Sesimbra, Cabo Espichel e, a alentejana Alcácer do Sal, onde o viajante, reclamando o direito de inventar as suas próprias geografias, decidiu concluir o périplo desta etapa.

5. ALENTEJO

“A grande e ardente terra de Alentejo”, é o título atribuído pelo autor ao 5º capítulo de VIAGEM A PORTUGAL.

Pelo Alto Alentejo, o viajante tocará Montemor-o-Novo, Arraiolos, Pavia, Lavre, Montargil, Ponte de Sor, Alter do Chão, Crato, Flor da Rosa, Castelo de Vide, Marvão, Portalegre, Monforte, Elvas, Estremoz, Evoramonte, Borba, Vila Viçosa, Juromenha, Alandroal, Terena, Redondo, Évora.

Pelo Baixo Alentejo, dominado pelo vale do Alqueva e pelo Parque Natural do Vale do Guadiana, deter-se-à em Reguengos e Monsaraz, Viana do Alentejo, Mourão, Moura, Pias, São Gens, Serpa, Pulo do Lobo, Beja, Vidigueira, Portel, Alvito, São Cucufate, Castro Verde, Mértola.

Aqui, conclui o viajante, e nós concordamos sem hesitações: “Vale a pena descer o Guadiana para ver Mértola, vale a pena subir a Mértola para ver o Guadiana”.

6. ALGARVE

O capítulo: “De Algarve e sol, pão seco e pão mole”, fecha a VIAGEM A PORTUGAL que assim se concluirá pelas terras a sul.

É em Alcoutim, que marca a fronteira entre o Alentejo e o Algarve, que se inicia a derradeira etapa da viagem, que ainda há de levar-nos a Castro Marim, Vila Real de Santo António, Tavira, Olhão, Estói, Faro, Loulé, Alte, S. Bartolomeu de Messines, Silves, Estômbar, Portimão, Lagos, Vila do Bispo, Aljezur.


VIAGEM A PORTUGAL: Que Fazer

O Viajante Volta Já

“A viagem não acaba nunca. Só os viajantes acabam. (…) Quando o viajante se sentou na areia da praia e disse: Não há mais que ver, sabia que não era assim. O fim de uma viagem é apenas o começo doutra. É preciso ver o que não foi visto, ver outra vez o que se viu já, ver na Primavera o que se vira no Verão, ver de dia o que se viu de noite, com sol onde primeiramente a chuva caía, ver a seara verde, o fruto maduro, a pedra que mudou de lugar, a sombra que aqui não estava. É preciso voltar aos passos que foram dados, para os repetir, e para traçar caminhos novos ao lado deles. É preciso recomeçar a viagem. Sempre. O viajante volta já.”.

Assim conclui José Saramago a sua e nossa VIAGEM A PORTUGAL.
Uma viagem em que embarcamos, carregando na bagagem esta sentenciosa sugestão de el-rei D. Duarte: “Se puderes olhar, vê. Se podes ver, repara.”, que Saramago citou na contracapa do seu romance Ensaio Sobre a Cegueira.

SUGESTÕES DE VIAGEM:
>> MONTESINHO | Parque Natural
>> PENEDA-GERÊS | Parque Nacional
>> DOURO INTERNACIONAL | Parque Natural
>> DOURO Vinhateiro | Roteiro
>> PORTO | Roteiro de viagem | Visitar Porto
>> AROUCA GEOPARK | Visitar Arouca
>> ESTRELA GEOPARK | Serra da Estrela
>> LISBOA | Roteiro de Viagem | Visitar Lisboa
>> SW Alentejano e Costa Vicentina
>> Nos AÇORES
>> Na MADEIRA

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

Powered by WordPress.com.

EM CIMA ↑

%d bloggers like this: