Perge: Turquia | Que Ver e Fazer | Visitar Perge

PERGE, é um importante sítio arqueológico, onde se encontram as ruínas de um dos mais importantes portos comerciais da antiguidade, junto ao rio Aksu (outrora navegável, que ligava ao Mar Mediterrâneo), a cerca de 18 km a leste de Antália, e 2 km a norte da vila de Aksu.

Em 333 a.C., Alexandre, o Grande, conquistou a cidade aos hititas e estabeleceu nela a base para a sua campanha da Anatólia. E em 188 a.C., PERGE passaria a integrar o Império Romano, datando deste período a maior parte das suas ruínas.

O seu filho mais ilustre é o matemático Apolónio de Perge, discípulo de Arquimedes, célebre pelos seus livros de geometria, tendo o seu nome atribuído a uma cratera da lua.

O apóstolo Paulo, iniciou no ano 46 a sua jornada bíblica de pregação do cristianismo, tendo proferido o seu primeiro sermão em PERGE que chegou a acolher uma importante igreja bizantina.

PERGE: Como Chegar

1 – De carro: A partir de Antália (centro da cidade ou aeroporto) tomando a via D400, para norte, em direção a PERGE;
2 – Transporte Público: A partir de Antália em direção a Aksu, uma pequena cidade a apenas 2 km de PERGE;
3 – Excursão: várias agências de viagens em Antália organizam tours para PERGE, que podem incluir outros sítios arqueológicos como Aspendos e Side.

+ Informações Úteis:

♦  Visitas: Diariamente das 8h30 às 17h30 (no inverno, novembro a março), e das 9h00 às 19h00 (no verão, de abril a outubro).

Antália: Turquia | Que Ver e Fazer | Visitar Antália
Istambul | Que Ver e Fazer | Visitar Istambul

PERGE: Roteiro


PERGE: Que Ver

PERGE era uma cidade importante, procurada por matemáticos e pregadores, escultores, atores, atletas, comerciantes. As suas ruas eram ladeadas por centenas de colunas, por trás das quais ficavam as lojas.

1. PORTA ROMANA – ÁGORA

Porta-romana-Perge
PERGE. Porta Romana. Construção do imperador Septímio Severo (193-211)

O acesso ao recinto do sítio arqueológico de PERGE é feito pela Porta Romana, na parte sul da cidade. À direita, antecedendo a Porta Helenística, encontra-se a Ágora, o espaço público da urbe onde as pessoas se reuniam para os mais diversos fins, do comércio às discussões sociais, políticas ou filosóficas.

2. PORTA HELENÍSTICA

A Porta Helenística, do séc. III a.C., é a estrutura que mais se destaca na cidade arqueológica, até pelas dimensões das suas torres gémeas, baluartes de proteção da cidade, a anteceder um pátio em forma de ferradura.

3. RUA PRINCIPAL – Cardo

Passando pela Porta Helenística e pelo pátio, segue-se, de sul para norte, por uma rua larga de 20 metros, com 300 metros de comprimento, ladeada por duas colunatas com centenas de colunas, tendo no meio um canal de águas de 2 metros de largura, que se estende até ao Ninfeu e à Acrópole.
A rua principal de PERGE é atravessada por uma outra que corre de leste para oeste.

4. NINFEU

PERGE. Nymphaeum. Em 1º plano, a estátua do deus do rio Kestros (depois, Aksu), que estava ladeada por duas estátuas do imperador Adriano, agora no Museu Arqueológico de Antália

O Nymphaeum, Ninfeu (lugar consagrado às ninfas), também conhecido como Fonte Adriano, construído no reinado do imperador Adriano (130-150), é uma fonte triunfal ornamental, semicircular, através da qual fluía um riacho para o canal de água.

Por trás do Ninfeu fica a Acrópole, que conserva vestígios arqueológicos do período bizantino, e a oeste, as ruínas de uma Palestra romana do ano 50, dedicada ao imperador Cláudio (41-54).

5. BANHOS ROMANOS

PERGE. Banhos romanos. O ar aquecido na sala da caldeira circulava por baixo do piso revestido a mármore e apoiado em pilares de tijolos

A oeste da Porta Helenística, uma sequência de salas com janelas abertas para sul formam o complexo reservado aos banhos romanos: o frigidarium (sala de água fria com piscina), o tepidarium (sala de água morna) e o caldarium (sala de água quente).

6. MURALHAS DE PERGE

PERGE estava rodeada por uma cerca de muralhas e torres do séc. III a.C., melhor conservadas na parte leste da cidade.

7. ARTEMIS

PERGE. Coluna com capitel coríntio de folhas de acanto e um alto relevo da deusa grega Artemis carregando um arco, flechas, uma tocha e uma coroa luminosa

Deusa da vida selvagem e da caça, Artemis era a principal divindade de PERGE, onde existiu um grande templo que lhe era dedicado.

8. ARQUITETURA DE PERGE

Cidade famosa pela sua arquitetura e esculturas em mármore, entre as ruínas de PERGE encontram-se muitas estruturas e elementos decorativos diversificados, característicos das artes grega, romana e bizantina.


PERGE: Que Fazer

Nas cercanias da cidade muralhada, mas fora dos seus limites, ficam o Teatro, em trabalhos de restauro, e o Estádio, um dos melhor conservados na Turquia.

1. TEATRO DE PERGE

O Teatro de PERGE, um edifício de dois andares construído por volta do ano 120, é uma construção impressionante com capacidade para 15.000 pessoas, que combina elementos da arquitetura grega e romana.
Muitos dos seus relevos e estátuas foram transferidos para a coleção do Museu Arqueológico de Antália.

2. ESTÁDIO DE PERGE

O Estádio de PERGE, um dos maiores no seu género (234 metros de comprimento por 34 metros de largura), é uma construção em forma de ferradura apoiada em estruturas abobadadas, com capacidade para 12.000 pessoas.

3. MUSEU DE ANTÁLIA

Desejavelmente a visita à cidade arqueológica de PERGE deve ser complementada com uma visita ao Museu de Antália.
Do seu acervo de 5000 peças, fazem parte muitos artefactos, sarcófagos e estátuas magníficas, recuperados e classificados nas escavações iniciadas em meados do séc. XX.

⇑ Topo

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

Powered by WordPress.com.

EM CIMA ↑

%d bloggers like this: