Niagara Falls | Roteiro de Viagem | Visitar Niagara Falls

Ao longo de 56 Kms, entre o Lago Erie (onde nasce) e o Lago Ontário (onde desagua), o rio Niagara conhece três quedas de água: Horseshoe Falls ou Canadian Falls, American Falls e Bridal Veil Falls que, no seu conjunto formam as NIAGARA FALLS, as conhecidas CATARATAS DO NIAGARA, situadas na fronteira internacional dos Estados Unidos da América e do Canadá, a 27 Km a noroeste de Buffalo e a 121 Km a sudeste de Toronto, entre as duas cidades gémeas de Niagara Falls, em Nova York e Niagara Falls, no Ontário.

Niagara Falls
NIAGARA FALLS: Cataratas Americanas e Bridal Veils (à esq.) e Cataratas Canadianas (à dir.)

As Horseshoe Falls, as Cataratas Ferradura, por se assemelharem a uma enorme ferradura, também conhecidas por Canadian Falls, Cataratas Canadianas, são as de maior dimensão (recebem cerca de 90% do caudal do rio) e ficam maioritariamente em território do Canadá.

Niagara Falls, Canadian Falls
Horseshoe Falls, Cataratas Canadianas

As American Falls, as Cataratas Americanas, e as Bridal Veil Falls, as Cataratas Véu de Noiva (as mais pequenas), que recebem os restantes 10% do caudal do rio, ficam em território americano.

American Falls and Bridal Veil Falls
American Falls e Bridal Veil Falls (à dir.)

O que ver em NIAGARA FALLS

NIAGARA FALLS, é também, como vimos, o nome das duas pequenas cidades onde se situam as Cataratas de um e do outro lado da fronteira.
Em qualquer delas, do lado do Canadá como do lado dos Estados Unidos da América, existem vários outros pontos de interesse. Mas, sem dúvida que todas as atenções ficam irresistivelmente concentradas no trovão de águas formado pela queda de mais de 50 metros das maiores cataratas da América do Norte.

Niagara Falls
As cidades de Niagara Falls, Canadá (à esq.) e Niagara Falls, EUA (à dir.) Ao centro a torre de observação Prospect Point e a Rainbow Bridge, a Ponte do Arco-Íris
Niagara Falls Canada
Niagara Falls: Marginal e Queen Victoria Park, Canadá
Niagara Falls State Park USA
Niagara Falls: State Park, EUA

O que fazer em Niagara Falls

Como vimos as duas cidades homónimas estão à distância de uma ponte.
Atravessamos a pé a Rainbow Bridge, ou Ponte do Arco-íris. A travessia implica o pagamento de uma moeda de dólar, mas vale bem a pena. Ficamos suspensos sobre o poderoso caudal do rio Niagara e usufruimos de uma vista soberba em redor.

Niagara Falls lado americano

Optamos deliberadamente por iniciar a nossa exploração pelo lado americano, pelas cataratas de menor dimensão, dedicando-lhes uma parte da manhã e uma parte da tarde.
Prospect Point Observation Tower, a Torre de Observação que avança rio adentro, é um dos melhores locais para uma vista panorâmica mais próxima e mais ampla das Cataratas Americanas.

Niagara Falls Observation Tower

Depois atravessamos a Goat Island Road, a estrada que liga à ilha Goat passando sobre a Green Island, a Ilha Verde.
Na Ilha Goat visitamos as Cataratas de Bridal Veil, as cataratas Véu de Noiva, a Cave of the Winds, a Caverna dos Ventos, e Terrapin Point, outro local de observação excelente, na ponta da ilha, ao lado das Horseshoe Falls, as cataratas que descobriremos numa outra perpectiva, bem de frente, do lado do Canadá.

Cataratas do Niagara Terrapin Point
Terrapin Point

Niagara Falls cruzeiro no rio Niagara

Em ambos os lados é possível ver as quedas de água a partir do rio Niagara num cruzeiro diurno ou noturno que, consoante as condições atmosféricas e o grau de visibilidade, percorre o perímetro das cataratas aproximando-se e parando quanto possível para observação e fotos.

Niagara Falls Cruise

Niagara Falls lado canadiano

A outra parte da tarde, o lusco-fusco e a noite deixamos intencionalmente para visita ao lado canadiano das Cataratas do Niagara, as Horseshoe Falls, que, como dissemos, são as maiores e formam como que uma enorme ferradura de uma dimensão absolutamente avassaladora.
O brilho radioso da luz solar, os arcos-íris nas nuvens de milhões de gotículas, os contrastes luminosos de luz e sombra ao pôr do sol e ao anoitecer, o espetáculo de efeitos luminosos de diversas cores que se pode observar a partir do anoitecer, justifica todas as horas que dedicarmos a registar imagens tão impressivas na nossa retina como na memória da máquina fotográfica.
A partir da torre Skylon Tower, uma torre de observação com 160 metros de altura, 236 metros acima do rio Niagara, 662 degraus e 3 elevadores, ou a partir dos muitos pontos de observação da marginal e do parque Queen Victoria.

Cataratas do Niagara

Niagara Falls

Niagara Falls Horseshoe Falls

Niagara Falls Canadian Falls

Niagara Falls Canadian Falls

Niagara Falls Horseshoe Falls

Niagara Falls noite

Depositamos, por isso, nas imagens, a responsabilidade de traduzir com a eloquência que faltará às palavras, o espetáculo assombroso que pudemos testemunhar.
O cenário é de uma beleza estonteante. Ora celestial. Ora dantesco. Aterrador e maravilhoso. A misturar o ribombar tonitruante dos trovões de água com a inopinada intermitência de reflexos, luzes e sons de vários matizes.

Deixamos algumas estas impressões neste 
Postal de NIAGARA FALLS
 .

E, não fora mesmo o facto de termos de regressar, ficaríamos por aqui o tempo todo a esgotar os noventa dias de permanência que o visto estipulava!
Até ao regresso.

⇑ Topo

Mais sobre os EUA:
--> NOVA YORK: Que ver Que fazer
--> WASHINGTON: Que ver Que fazer
--> PITTSBURGH: Que ver Que fazer
--> BUFFALO: Que ver Que fazer
--> BOSTON: Que ver Que fazer

 

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

Powered by WordPress.com.

EM CIMA ↑

%d bloggers like this: